Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Evandro José Coelho do Amaral

Evandro José Coelho do Amaral, Licenciado em Administração Pública pelo INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS (CIS).

Evandro José Coelho do Amaral, Licenciado em Administração Pública pelo INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS (CIS).

Evandro José Coelho do Amaral

09
Set18

HOME OFFICE EM ANGOLA


Evandro José Coelho do Amaral

HOME OFFICE EM ANGOLA

HOME OFFICE IN ANGOLA

NewPaper nº 66/2018

 

Amaral, Evandro José Coelho do [1]

Clica aqui para ver na versão PDF 

Resumo

Neste artigo procuramos falar sobre Home office no contexto angolano. Será que já é possível falamos de trabalho em casa em Angola? Será que Angola possui elementos (ferramentas, instituições, sectores …) que irão permitir para que seja possível a realização do Home office em Angola.

Palavras-chaves: Home, office e Angola.

Abstract

In this article we try to talk about Home office in Angolan context. Can we talk about working at home in Angola? Does Angola have elements (tools, institutions, sectors ...) that will allow the realization of the Home Office in Angola.

Keywords: Home, office and Angola.

Introdução

O Home office hoje é um dos grandes temas quando o assunto é trabalho do futuro.

Trabalho em casa, o apesar de esta ser a tradução literal do termo, ele define de forma genérica o trabalho que é realizado em espaço alternativo ao escritório da empresa. Este local pode ser – ou não – o escritório em casa. Uma pessoa pode trabalhar “home office” em cafés, hotéis, aeroportos, táxis, parques…ou em casa.

Mas é o melhor lugar do mundo para trabalhar, apesar dos desafios, quem consegue administrar seu tempo e produzir com qualidade no home office acaba trabalhando melhor e aproveitando muito mais a vida. Com o trabalho remoto evitam-se as várias horas e o enorme stress causados pelo trânsito no trajeto entre casa e trabalho. O tempo que o colaborador ganha escapando dos congestionamentos pode ser utilizado para praticar esporte, acompanhar um filho no médico, relaxar, ou até mesmo adiantar as tarefas para garantir tempo livre em outro momento. Com a redução do stress no trânsito e a possibilidade de controlar a qualidade da própria alimentação, quem sai ganhando é a saúde do colaborador. Além disso, trabalhar em home office aumenta a motivação e reduz interrupções de colegas e reuniões desnecessárias, aumentando a produtividade. Bom para o colaborador, melhor ainda para a empresa que o emprega[2].

  1. Home Office em Angola

Abaixo iremos trazer elementos que tornam impossível a realização do Home Office em Angola:

  • Internet em Angola: ainda tem alguns problemas na cobertura a nível nacional e na velocidade da mesma. E, segundo os dados (INE, 2016, p. 58), mais de 7.803.810 de indivíduos possuem telefones, 2.119.946 de indivíduos utilizam a internet e 2.060.989 de indivíduos têm computador[3].
  • Energia e Águas em Angola: Actualmente apenas cerca de 30% da população de Angola tem acesso à eletricidade. A maioria da população, não tem acesso à eletricidade.[4]
  • Correios ou empresas de entregas: é um sector muito importante para o Home Office.
  • Família alargada: muitos agregados em casa, que poderá dificultar no trabalho em casa.
  • Falta de vários serviços: ausência de vários serviços, dificultam na realização do home office.

Conclusão

Em Angola, possui problemas estruturais, ou seja, em todos os sectores. Assim, cria dificuldades para o melhoramento dos outros sectores. Na falha ou o não funcionamento pleno de um sector prejudica outros sectores.

Falta de colaboração e cooperação ministerial.

 

[1] Graduado no curso de Administração Pública, pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Relações Internacionais (CIS), evandro.amaral2015@hotmail.com;

[2]https://revistapegn.globo.com/Noticias/noticia/2014/08/7-coisas-que-todo-mundo-precisa-saber-sobre-home-office.html

[3] INE. (2016). Recenseamento Geral da População e Habitação: Resultados Definitivos. Luanda: INE.

[4] MINEA. (2015). Avaliação Rápida e Análise de lacunas Angola. Luanda: Ministério da Energia e Águas. 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Compre produtos e Ganhe dinheiro na FM WORLD

https://shop-uk.fmworld.com/partner/9193299

Links

  •  
  • Poemas

    Revistas

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D