Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Evandro José Coelho do Amaral

Evandro José Coelho do Amaral, Licenciado em Administração Pública pelo INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS (CIS).

Evandro José Coelho do Amaral, Licenciado em Administração Pública pelo INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS E RELAÇÕES INTERNACIONAIS (CIS).

Evandro José Coelho do Amaral

25
Abr18

SATÉLITE ANGOLANO ANGOSAT


Evandro José Coelho do Amaral

SATÉLITE ANGOLANO ANGOSAT

ANGOLAN SATELLITE ANGOSAT

NewPaper nº 48/2018

 

Amaral, Evandro José Coelho do [1]

Clica aqui para ver na versão PDF

Resumo

Neste artigo vamos abordar sobre o primeiro satélite angolano denominado “Angosat 1”, após o seu lançado à 26 de dezembro de 2017 na Cazaquistão. Passou a ter problemas técnicos até ser decretado como inoperante. Com isso, no dia 24 de Abril de 2018, deu-se o inico da construção do “Angosat 2” estima-se em ser mais sofisticado que o anterior com a previsão do seu lançamento em 2020.

Palavras-chaves: Satélite, Angolano e Angosat.

 

Abstract

In this article we will talk about the first Angolan satellite called "Angosat 1", after its launch on December 26, 2017 in Kazakhstan. He had technical problems until he was declared inoperative. With this, on April 24, 2018, the beginning of the construction of "Angosat 2" is estimated to be more sophisticated than the previous with the forecast of its launch in 2020.

Keywords: Satellite, Angolan and Angosat.

 

Introdução

Antes de prosseguir com a temática iremos trazer alguns paradoxos neste artigo:

  • Segundo o relatório económico e social do Centro de Investigação da Universidade Católica de Angola (CEIC), em 2016 afirmou que: 60 por cento dos angolanos vivem com menos de dois dólares diários.
  • O comunicado da comunicação social que afirmaram que mais de 106 mil alunos podem ficar sem estudar devido à falta de salas de aula e de professores.
  • Apenas 30% da população angolana beneficia da corrente eléctrica.
  • A inflação aumentar (subida incontrolável dos bens e serviços) e as famílias estão sem o poder de compras.
  • Os serviços básicos ou essências ainda não foi suprida, pensamos que está a se pular etapas. Como por exemplo: educação, saúde, seguranças, transportes e outros.
  1. Descrição do Angosat[2]

O Angosat fornece produtos e serviços que proporcionam comunicação entre empresas e pessoas, encurtando distâncias, minimizando a infoexclusão e contribuindo activamente para o desenvolvimento socioecónomico de Angola, ao mesmo tempo que cria soluções de comunicações no mercado internacional de África.

 

O Angosat foi desenvolvido com o propósito de poder capacitar às empresas o uso das tecnologias de comunicação mais modernas e inovadoras, possibilitando assim a promoção e o desenvolvimento de novos produtos e serviços de informação e comunicação em África. O Angosat pretende ser reconhecido como referência regional em soluções de comunicações por satélite.

 

Figura 1. Angosat

angosat-1.png

 Fonte: www.mercado.co.ao

 

Informações do Satélite Angosat:

País: Angola

Aplicação: Comunicações

Órbita: Geostacionária

Posição Órbita:12.8 Este

Operador: Infrasat (ANGOSAT)

EMPREITEIROS: RKK Energiya

Construtor de Carga Útil: Airbus

Carga Útil: Transponders banda C e Ku

Configuração: USP Bus

Propulsão: 8xSPT-70 Estacionária Plasma Thrusters

Consumo de Energia: 3704 W

Tempo de Vida: 15 Anos

Massa de Lançamento: Até 1700 Kg

 

 Figura 2. BANDA KU

k-U-1.jpg

 Fonte: http://infrasat.net/angosat

 

Tipo de Polarização: Linear.

Número de Transponders: 6.

Tamanho dos Transponders: 72Mhz.

Frequência de ligação descendente: 10990 -11160Mhz.

Frequência de ligação Ascendente: 14040 -14210Mhz.

EIRP mínima de Transponders:

– Zona A – 49.4 dBW

– Zona AA – 51.6 dBW

G / T de Transponders:

– Na zona A e AA: não inferior a -0,2dB / k.

Nominal SFD: -85dbW / m2

 

Figura 3. C-BANDA 

C-1.jpg

 Fonte: http://infrasat.net/angosat

 

Tipo de Polarização: Circular

Número de Transponders: 16.

Tamanho dos Transponders: 72Mhz.

Frequência de ligação descendente: 3570-4130Mhz.

Frequência de ligação Ascendente: 5795-6355Mhz.

EIRP mínima de Transponders: 39.7 dBW

G / T de Transponders:

– Não inferior a -6,0 dB / k.

Cobertura:

– A África e Europa.

– B Cabo Verde.

Nominal SFD: -86 dbW /m2

 

Figura 4. Ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação - José Carvalho da Rocha 

0a735ca30-90d7-4a9c-bc9c-a35ef2eab4f7-640x427.jpg

 Fonte: https://www.menosfios.com

 

Conclusão

Chegando afinal deste artigo, o Angosat-1 custou 327,6 milhões de dólares:

  • Construção, o veículo que leva o satélite e o lançamento do satélite: 252 milhões de dólares; Só o Satélite e o Seguro: 120 milhões de dólares;
  • Construção segmento terrestre – Centro de Comando de Satélite na Funda: 50 milhões;
  • Aluguer da posição orbital durante 18 anos: 25 milhões;

 

AngoSat-2 será ″mais sofisticado″ do que o AngoSat-1, antecipa embaixador russo em Angola, Vladimir Tararov.

 

Acreditamos a inoperância ou a falha do Angosat 1 é de grande responsabilidade do Governo de Angola, por não apostar em políticas sérias e prioritárias.

 

[1] Graduado no Curso de Administração Pública, pelo Instituto Superior de Ciências Sociais e Relações Internacionais (CIS), evandro.amaral2015@hotmail.com; 

 

[2] Obtido em http://infrasat.net/angosat

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Compre produtos e Ganhe dinheiro na FM WORLD

https://shop-uk.fmworld.com/partner/9193299

Links

  •  
  • Poemas

    Revistas

    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D